11/06/2018 22h18

Curso técnico em Informática é solicitado para escola na aldeia Amambai

A solicitação foi feita pelo vereador Ismael Guarani Kaiowá (MDB)


Fonte: Redação

 
Vereador Ismael quer implantação do curso de informática na escola estadual Mbo`eroy Guarani Kaiowá, / Foto: Moreira Produções Vereador Ismael quer implantação do curso de informática na escola estadual Mbo`eroy Guarani Kaiowá, / Foto: Moreira Produções

Amambai (MS) – O representante das comunidades indígenas do município de Amambai, vereador Ismael Guarani Kaiowá (MDB), está solicitando da Secretaria Estadual de Educação (SED) a implantação do "Curso Técnico em Informática" na escola estadual indígena Mbo`eroy Guarani Kaiowá, localizada na aldeia Amambai.

O pedido foi apresentado na sessão do legislativo municipal, realizada nesta segunda-feira (11), através do requerimento número 053/2018, subscrito e aprovado pelos demais membros da Casa de Leis.

No requerimento, encaminhado a Secretária de Estado de Educação, Maria Cecília Amendola da Motta, o parlamentar propõe que o curso seja implantado em parceria com a Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (SEDHAST), nas dependências da unidade escolar. Ismael justifica o pedido ressaltando que a escola atende 400 alunos e é a única das escolas instaladas no município que não possui nenhum curso técnico. Lembra, também, que a escola tem estrutura física adequada para implantação do curso; que muitos jovens da comunidade têm interesse em fazer o curso e não dispõem de condições financeiras para custearem o curso na rede privada de ensino.

 
Vereador Ismael Guarani Kaiowá, representante das comunidades indígenas do município no poder legislativo / Foto: Moreira Produções Vereador Ismael Guarani Kaiowá, representante das comunidades indígenas do município no poder legislativo / Foto: Moreira Produções

"É de extrema necessidade a implantação do Curso Técnico em Informática, pois ele irá proporcionar qualificação aos estudantes em relação à informática - visando garantir inserção no mercado de trabalho e, assim, contribuindo de forma singular na preparação dos jovens indígenas como futuros profissionais capacitados", ressalta o vereador Ismael.

Envie seu Comentário