15/05/2017 10h50

Projeto Chute Certo atende crianças carentes em Amambai

Cerca de 50 crianças das vilas Santo Antônio e Nossa Senhora Aparecida se reúnem todos os sábados no campo sintético do União Esporte Clube, onde brincam e assistem palestras sócioeducativas


Fonte: Redação

 
O projeto atende crianças em estado de vulnerabilidade social do município / Foto: Moreira Produções O projeto atende crianças em estado de vulnerabilidade social do município / Foto: Moreira Produções

Amambai (MS)- Proporcionar às crianças em estado de vulnerabilidade social do município um momento de descontração, de prática de esportes e palestras socioeducativas embasadas no Evangelho. Este é o objetivo principal do projeto Chute Certo, que é realizado pelo Instituto Eduardo Dutra Lescano em parceira com o União Esporte Clube e com a igreja Presbiteriana Independente (IPI), em Amambai.

O projeto abrange crianças de 8 a 15 anos das vilas Santo Antônio e Nossa Senhora Aparecida, que são cadastrados pela campo escola municipal Polo João Rodrigues e, que semanalmente são levadas até o sintético do Clube União Esporte Clube para as atividades.

 
Coordenadora do Instituto Eduardo Dutra Lescano, Marilene Dutra Lescano, a Fofa / Foto: Moreira Produções Coordenadora do Instituto Eduardo Dutra Lescano, Marilene Dutra Lescano, a Fofa / Foto: Moreira Produções

De acordo com a coordenadora do Instituto Eduardo Dutra Lescano, Marilene Dutra Lescano, a Fofa, a ideia de iniciar o projeto partiu da imensa saudade sentida do filho. "No Dia das Crianças do ano passado, apertou a saudade do Edu então eu pensei em fazer algo por crianças que não têm as oportunidades que ele teve, então procurei o Ramon e fizemos um trabalho com cerca de 200 crianças na chácara dele e daí partiu a ideia de fazermos isso corriqueiramente", disse Fofa.

E a ideia deu certo. Já são cerca de 50 crianças, que se reúnem todo o sábado para praticar os mais variados esportes, receber palestras socioeducativas e principalmente, receber carinho, que é o principal ponto do projeto.

 
Pastor Thiago Paulo dos Santos Silva / Foto: Moreira Produções Pastor Thiago Paulo dos Santos Silva / Foto: Moreira Produções

"A palavra que define este projeto é o amor, porque o amor que sentimos por essas crianças é o amor que Deus sente por nós e tentamos, a cada palestra, tentamos trazer ensinamentos bíblicos para que essas crianças mudem suas mentalidades e possam crer em um amanhã melhor, com esperanças de ter uma vida melhor", disse o pastor da IPI, Thiago Paulo dos Santos Silva.

As crianças são levadas até o campo sintético através de uma parceria com a Prefeitura Municipal, que disponibilizou um ônibus para realizar o transporte todos os sábados.

As reuniões têm início às 7h30 com café da manhã, seguido de palestras, momento de oração, prática de esportes e almoço.

 
Ramon Batista / Foto: Moreira Produções Ramon Batista / Foto: Moreira Produções

O Instituto Eduardo Dutra Lescano fica responsável por organizar das atividades, adquirir os uniformes e materiais esportivos. O Clube União Esporte Clube e, através de seu presidente, Ramon Batista e voluntários da Associação de Ciclistas de Amambai (ACA) são quem promove as atividades esportivas, sempre orientando, monitorando e ensinando cada fundamento do esporte. A parte da alimentação fica sob responsabilidade da igreja, assim como as palestras e momentos de oração.

"Nós cremos que através do esporte transmitiremos o amor e a palavra de Deus, para que estas crianças tenham a oportunidade de ter uma vida melhor", disse Ramon Batista.

Requisitos para a participação no Projeto

De acordo com Fofa, para garantir sua vaga no projeto, a criança deve estar matriculada na escola, com frequência de 85% nas aulas e os responsáveis ainda devem participar das reuniões pais das escolas.

Veja abaixo as fotos e vídeo do aquecimento para o início da prática de esportes:

Envie seu Comentário