12/09/2017 09h14

Ismael quer cursos de produção e comercialização de produtos nas aldeias de Amambai


Fonte: Redação

 
Comercialização de alimentos de subistencia durante realização da Feira Indígena / Foto: Moreira Produções Comercialização de alimentos de subistencia durante realização da Feira Indígena / Foto: Moreira Produções

Amambai (MS) – O vereador de Amambai, Ismael Guarani Kaiowá (PMDB), está reivindicando do poder público municipal a realização de cursos que incentivem a produção e comercialização de produtos gerados nas comunidades indígenas do município.

Ismael sugere que sejam realizados cursos de cooperativismo, manejo e produção de hortaliças, produção de artesanatos, assim como para produção e comercialização da mandioca e demais alimentos de subsistência.

 
Vereador de Amambai, Isamel Kaiowá / Foto: Moreira Produções Vereador de Amambai, Isamel Kaiowá / Foto: Moreira Produções

"Há uma grande variedade de alimentos produzidos nas comunidades indígenas do nosso município. São produtos para o consumo próprio, sendo que o excedente geralmente é comercializado. Porém, esses produtos são desvalorizados na cidade por não seguirem um padrão de produção e preparo adequado para venda", diz o vereador Ismael Guarani Kaiowá.

Percebe-se, continua o vereador, que a realização dos cursos de qualificação vai garantir maior produtividade e consequentemente gerar renda extra para as famílias de agricultores indígenas, conclui Ismael.

Através do requerimento número 094/2017, apresentado na sessão dessa segunda-feira (11), Ismael quer que os cursos sejam ministrados por técnicos da Secretaria Municipal de Assistência Social, do Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), nas aldeias Amambai, Limão Verde e Jaguari, localizadas no município de Amambai.

Envie seu Comentário