Vida de Rubens Paiva é contada em exposição na Câmara dos Deputados

Vida de Rubens Paiva é contada em exposição na Câmara dos Deputados

 

Uma exposição na Câmara dos Deputados resgata a vida do ex-deputado federal por São Paulo Rubens Paiva, desaparecido em 1971 durante o regime militar. A mostra Não tens epitáfio, pois és bandeira está no hall da taquigrafia da Casa e faz parte do projeto Direito à Memória e à Verdade, da Secretaria de Direitos Humanos.

As fotos ilustram passagens da vida de Rubens Paiva com a família, na atividade política e de sua luta contra a ditadura. Segundo informações da Secretaria de Direitos Humanos, a exposição tem o objetivo de preservar a memória histórica das pessoas que resistiram ao regime militar e contribuir para a construção da realidade.

Rubens Paiva teve o mandato cassado em abril de 1964, quando a junta militar que assumiu o governo com a deposição do presidente João Goulart. Paiva se exilou na antiga Iugoslávia, hoje Sérvia, e depois na França. Voltou ao Brasil e foi preso em sua casa no Rio de Janeiro, em 1971, por militares e depois foi dado como desaparecido.

Fonte: Agência Brasil

Envie seu Comentário