08/04/2019 14h02

Polícia Militar Ambiental prende e autua mineiro em R$ 21 mil por transportar pescado proibido

PMA prende e autua mineiro em R$ 21 mil por transportar pescado com pesca proibida, fora de medida e acima da cota permitida


Fonte: Portal Ms

 

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas realizavam fiscalização na BR 262, no posto fiscal da divisa com o estado de São Paulo, abordaram no último domingo (7.4) um veículo Chevrolet S10 e encontraram pescado com pesca proibida, exemplares fora da medida permitida e acima da cota permitida.

Um infrator (56), residente em Uberaba (MG), estava com 11 kg de pescado das espécies piracanjuba, pacu e piraputanga, com três irregulares criminais previstas pela Lei de Crimes Ambientais. Quatro exemplares de peixes da espécie piracanjuba, espécie com pesca proibida, exemplares de pacu abaixo da medida permitida, bem como, o pescado acima da cota permitida (que para este ano é de 5 kg) e cinco exemplares de piranha.

O pescado e o veículo foram apreendidos. O infrator afirmou ter ganhado os peixes em uma propriedade rural no município de Campo Grande. Ele foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas, juntamente com o material apreendido, onde foi autuado em flagrante por transporte de produto da pesca predatória e saiu depois de pagar fiança. A pena para o crime de pesca é de um a três anos de detenção.

O infrator foi autuado administrativamente e multado em R$ 21.100,00. O alto valor da multa deve-se à captura dos espécimes protegidos. O pescado será doado para instituições filantrópicas, depois de periciado.

Envie seu Comentário