14/01/2019 08h54

Copa América 2019 será disputada no Brasil


Fonte: Emarket Assessoria

 
Copa América 2019 será disputada no Brasil / Foto: Divulgação Copa América 2019 será disputada no Brasil / Foto: Divulgação

O ano de 2019 será especial para a Seleção Brasileira. Depois de 30 anos, o Brasil volta a sediar uma Copa América. A competição será disputada entre os dias 14 de junho e 7 de julho em cinco estados brasileiros. Além do Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela, além de Japão e Qatar, seleções convidadas, vão disputar o título de melhor seleção de futebol da América do Sul.

O sorteio dos grupos já está marcado e acontece no dia 24 de janeiro, no Rio de Janeiro. A expectativa é grande para a competição, já que será o primeiro grande teste da Seleção de Tite após o fiasco da Copa do Mundo de 2018. Além do Morumbi, que recebe a abertura do torneio e o Maracanã, que recebe a final, a Copa América 2019 terá jogos disputados na Arena Corinthians, em São Paulo, na Arena Fonte Nova, em Salvador e na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

Mesmo não sabendo a formação dos grupos, já é possível descobrir o caminho do Brasil na primeira fase. Como é o anfitrião, a Seleção será cabeça-de-chave do grupo A e fará sua estreia na abertura do torneio, dia 14 de junho, no Morumbi. A Arena Fonte Nova será palco da segunda partida do time de Tite, dia 18, em Salvador. A participação brasileira na fase inicial termina dia 22, em partida que será disputada na Arena Corinthians.

A Copa América está sendo considerada um divisor de águas para o técnico Tite, que renovou contrato com a CBF até a Copa do Catar em 2022. Este será o segundo torneio oficial que o treinador fará frente à Seleção. Um título em casa é mais que obrigação e o técnico espera aproveitar o torneio para fortalecer o grupo já visando a Copa de 2022 no Catar. Vale lembrar que o último título do Brasil aconteceu em 2013, na Copa das Confederações. Depois disso, só tristezas como o 7 a 1 para a Alemanha no Mundial de 2014 e a eliminação para o Peru na primeira fase da Copa América Centenário 2016.

Quatro vezes no Brasil

Esta será a quinta vez que o Brasil sediará a Copa América. A primeira edição foi no ano de 1919, que terminou com o título da Seleção. Depois disso, o país foi sede da competição em 1922, 1949 e 1989. Todas elas terminaram com o título brasileiro.

A Seleção Brasileira foi campeã da Copa América em outras três oportunidades: 1997, disputado na Bolívia, 1999, realizado no Paraguai e em 2007, quando o torneio teve sede na Venezuela. No total são oito títulos brasileiros na competição.

O Uruguai é a maior campeão do torneio com 15 títulos. A Argentina vem em segundo com 14. Os Hermanos não vencem a Copa América desde 1993. Já a Celeste venceu sua última competição em 2011.

Copa América 1989

O Brasil sediou a sua primeira Copa América no ano de 1989. Na época, a Seleção Brasileira não vivia um bom momento e era por muito vezes vaiada pela sua torcida. Renato Gaúcho, reserva daquele time, chegou a levar uma ovada de um torcedor revoltado. A vida não era fácil para os comandados de Sebastião Lazaroni.

A Seleção começou a competição vencendo a Venezuela por 3 a 1, mas o jogo sem muita criatividade irritou os torcedores baianos que foram ver um espetáculo. Vaias e mais vaias. Na segunda partida, 0 a 0 com o Peru e mais vaias. No terceiro jogo, novo 0 a 0 e mais lamentações do torcedor.

Para o quarto jogo, Lazaroni resolveu mudar o time e escalou no ataque uma dupla que era muito aguardada pelo torcedor brasileiro. Nascia naquele momento a parceria Bebeto e Romário. Com os dois craques, a seleção voou no último jogo da primeira fase. No estádio do Arruda, em Recife, vitória convincente sobre o Paraguai por 2 a 0.

O resultado positivo serviu de inspiração para a segunda fase. Na estreia, clássico contra a Argentina de Maradona. O Maracanã viu mais um show da dupla e vitória por 2 a 0 sobre os Hermanos. No segundo jogo, mais uma grande atuação brasileira diante do Paraguai: 3 a 0.

Classificado para a decisão, o adversário seria o Uruguai. Sim, a Celeste, no Maracanã. O trauma de 39 anos atrás ainda assombrava os brasileiros. O que esperar daquela final? Porém, a Seleção tinha Romário. O atacante marcou no início do segundo tempo e garantiu o título do Brasil, o quarto vencido em casa.

A meta é repetir as façanhas anteriores e vencer a competição de 2019. Jogando em casa, o Brasil é o favorito, mas não dá para descartar a força do Uruguai e da Argentina.

Envie seu Comentário