21.1 C
Dourados
quinta-feira, 20 de janeiro de 2022

Policiais Militares de Amambai atuam com sensibilidade e profissionalismo e impedem suicídio

- Publicidade -

Homem de 23 anos ameaçava se jogar de uma torre de telefonia instalada na Rua da República, no centro de Amambai.

Amambai (MS)- Movidos de muita sensibilidade, empatia e profissionalismo, policiais militares lotados da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar (3ª CIPM) de Amambai conseguiram impedir que um jovem de 23 anos cometesse suicídio na noite dessa segunda-feira (3).

De acordo com o relatório da ocorrência, pessoas passaram pelo local e viram o homem, que é pintor e enfrenta uma crise depressiva, em cima de uma torre de telefonia de aproximadamente 60 metros de altura de onde ameaçava se jogar, Preocupados, os populares e ligaram para a PM e a guarnição composta pelo pelo sargento Eleno Correa, pelo cabo Leandro Souza Moreira dos Santos e pelo soldado Jurandir André Xavier rapidamente chegou ao local, na Rua da República, região central de Amambai.

Como o homem já estava a uma altura de aproximadamente 50 metros, os policiais não conseguiam manter contato e decidiram então, escalar a torre para ficar mais próximo do jovem e tentar convencê-lo a desistir de tirar a própria vida.

Nos primeiros momentos, o homem estava em completo desespero, nem sequer respondendo ao chamados dos policiais, mas como os militares agiram com muita sensibilidade e empatia, o jovem cedeu e conversou com a equipe para a qual contou que é casado, pai de dois filhos e que teve um desentendimento com a esposa.

Logo depois ele foi convencido pelos militares a descer da estrutura e logo que chegou ao chão foi atendido por uma equipe do Corpo de Bombeiros, que também foi acionada e se dirigiu ao local.

Ele foi encaminhado para o Hospital Regional de Amambai para receber cuidados médicos.

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-