14.3 C
Dourados
sábado, 13 de agosto de 2022

Prefeitura de Amambai fecha parceria com CONAFER para beneficiar pequenos produtores rurais do município

- Publicidade -

Para participar do Programa, interessados devem procurar Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária.

Fonte: Bruna Corrêa/Secom

Amambai (MS)- A Prefeitura de Amambai, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Pecuária (SEAGRI), fechou uma parceria com a Confederação Nacional da Agricultura Familiar e Empreendedores Familiares do Brasil (CONAFER) e com a empresa Alta Genetics para beneficiar os pequenos produtores rurais do município.

Para isso, será ofertado todo o protocolo de Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF), ou seja, medicamentos, hormônios, sêmen de bovinos, tanto para raças de corte, como de leite, entre eles as raças Gir, Girolando, Holandês e Sindy.

Segundo o secretário responsável pela pasta, Sérgio Ribeiro, será feito acompanhamento técnico de profissionais da CONAFER e da SEAGRI para avaliação das propriedades, acompanhamento nutricional e manejo. “Essa parceria tem total aval do prefeito Dr. Bandeira, que tem demostrado grande interesse em fomentar a produção da agropecuária familiar do município, para dar melhores condições de geração de renda no campo aos pequenos agricultores e pecuaristas”, afirmou.

Também serão oferecidos acompanhamento e avaliação ginecológica dos animais para diagnóstico da gestação por meio de ultrassonografias, visando uma melhor aplicabilidade da técnica e orientações sobre sanidade e enfermidade que acometem rebanhos bovinos e podem atrapalhar a biotecnologia.

Com este fim, será realizado um cadastramento das famílias e ofertado aos pecuaristas familiares 600 protocolos por anos, durante os quatro anos de duração do programa, limitando o teto máximo de 20 animais por estação.

Para participar do programa, os proprietários deverão procurar a Secretaria de Agricultura e Pecuária para fazer seu cadastro com documentos pessoais e da propriedade, além da declaração do saldo vacinal do rebanho contra a febre aftosa, emitida pela IAGRO.

Ainda de acordo com Sérgio Ribeiro, a primeira etapa será desenvolvida nos assentamentos Magno de Oliveira, Guanabara e Sebastião Rosa da Paz, com reuniões marcadas já para o dia 2 de junho.

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-