16 C
Dourados
sexta-feira, 12 de agosto de 2022

Aeronave do DOF que irá incrementar segurança na fronteira já está no Estado

- Publicidade -

Fonte: Luciana Brazil, Sejusp

Cumprindo o cronograma inicial das obras, a nova sede do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), em Dourados, será entregue em agosto deste ano. Mais de 90% do projeto já foi concluído. Outra boa notícia para o policiamento é a chegada de uma das duas aeronaves adquiridas pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) que irão incrementar a segurança na região fronteiriça de Mato Grosso do Sul.

Um dos helicópteros, modelo AS350-B3, conhecido como Esquilo, já está no Estado, e para que possa entrar em operação estão sendo finalizados alguns trâmites administrativos junto a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil).

O comandante da Coordenadoria Geral de Policiamento Aéreo (CGPA), coronel Rosalino Gimenez Filho, explica que dentro de alguns meses o helicóptero estará apto ao voo e ficará baseado no DOF. Já a segunda aeronave adquirida pela Sejusp chegará até o fim do ano e deve atender a diversas forças de segurança (Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Polícia Militar, etc). Foram investidos R$ 64 milhões na compra dos helicópteros.

De acordo com o coronel Gimenez, o modelo das aeronaves é um dos mais modernos neste segmento da aviação. “É uma aeronave super moderna, com autonomia de voo de 800 quilômetros e com capacidade para até seis passageiros, sendo dois tripulantes”.

Aeronave do DOF que irá incrementar segurança na fronteira já está no Estado
Aeronave AS350-B3.

Equipado com um imageador térmico, a aeronave poderá fazer a localização de pessoas ou objetos através do calor.  “Este é um equipamento que permite a localização de pessoas ou veículos pelo calor do corpo, o que chamamos de flir. Além disso, o helicóptero estará equipado com farol de busca para ações noturnas e ainda com outros equipamentos para resgate aeromédico, caso seja necessário”, explicou o coronel Gimenez.

Para atender ao novo reforço de policiamento, um heliponto está em construção na nova sede do DOF. O local terá 25,5mx25,5m, com capacidade para suportar aeronaves de até 6 toneladas. 

“O Estado já tinha um helicóptero e adquirimos mais dois. Desta forma, vamos conseguir estar presente com maior abrangência, especialmente na região de fronteira, onde ficará uma destas aeronaves. Esses helicópteros darão mais mobilidade e reforço ao policiamento – no combate ao tráfico de drogas, armas -, além de trazer mais qualidade e rapidez no atendimento a outros tipos de ocorrências”, frisou o coronel.

A Sejusp conta ainda com dois aviões que são usados para o transporte de efetivo, de armas e outras ações. “O investimento de mais de R$ 60 milhões foi um dos maiores investimentos feitos na segurança pública do Estado. Nunca houve um investimento tão alto para modernizar o trabalho da segurança pública”, afirmou.

Os investimentos realizados pelo Governo do Estado marcam o comprometimento com a segurança pública e fortalecem a atuação do Departamento de Fronteira. Referência nacional, o DOF está há 34 anos em Mato Grosso do Sul atuando em 53 municípios que fazem fronteira com Bolívia e Paraguai e nove municípios na divisa com São Paulo, diretamente afetados pelo tráfico.

Aeronave do DOF que irá incrementar segurança na fronteira já está no Estado
Nova sede do DOF em Dourados.

Sede

A nova sede, que será um grande propulsor para o combate à criminalidade, recebeu R$ 5,1 milhões em recursos do Estado.

Segundo o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira, o DOF se tornou case de sucesso no país e merece uma estruturação à altura. O moderno complexo policial vai abrigar as estruturas administrativas e operacionais do DOF e da Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira).

Em entrevista recente ao portal de notícias do Governo do Estado, o diretor do DOF, coronel Wagner Ferreira da Silva, a nova estrutura será um divisor de águas na segurança pública de Mato Grosso do Sul.

“Trata-se de um plano ousado do Governo do Estado, que vai possibilitar a ampliação de tecnologias, efetivo e serviço de inteligência no combate à criminalidade. É o reconhecimento desse órgão que atua há 34 anos em Mato Grosso do Sul e é referência nacional”, ressaltou, lembrando que além da nova sede, o Estado trabalha para a aquisição de mobiliários novos e toda rede tecnológica como computadores e rede de internet.

O prédio, que terá 1.434 m², será erguido em um terreno de 17.400 m² na Marginal Guaicurus, conhecida como prolongamento da Rua Coronel Ponciano. A sede contará com heliponto, auditório, alojamentos, salas de aula, cozinha, refeitório e ambientes administrativos. A unidade policial ainda terá salas de logística, inteligência, investigação e cartórios, entre outras.

Aeronave do DOF que irá incrementar segurança na fronteira já está no Estado
Construção do Heliponto.
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-