11.3 C
Dourados
sexta-feira, 12 de agosto de 2022

Creas de Caarapó localiza familiares de moradora sem contato com os parentes há mais de uma década

- Publicidade -

Fonte: Dilermano Alves

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social de Caarapó (Creas) acaba de anunciar mais uma boa notícia. Trata-se da localização dos familiares de uma moradora do município que havia perdido o contato com os parentes há cerca de 11 anos, mas que agora podem comemorar o reencontro e celebrar a vida.

O Creas informou que, em junho do ano passado, Rosineide Ferreira, de 38 anos, procurou a instituição pedindo apoio para localizar os seus familiares – tios e primos -, que estariam residindo em Alagoas ou São Paulo. A moradora disse, à época, que há aproximadamente dez anos os parentes tinham vindo a Caarapó a passeio, mas desde então não mantiveram mais contato.

Com base nas informações preliminares fornecidas por Rosineide – o seu tio se chamava Valdomiro e era casado com Terezinha, com quem tinha sete filhos de nome Luciano, Lucivaldo, Lucineide, José, Edineide, Edileide e Edilene – a equipe do Creas iniciou a missão de localizá-los. A equipe do órgão público pontua que uma informação fornecida por Rosineide foi a chave para a localização dos seus familiares: o fato de que sua prima Edilene ficou grávida e teve trigêmeos. Os técnicos do Creas, então, fizeram pesquisas nas redes sociais em busca de notícias sobre o nascimento de trigêmeos e, a partir das informações coletadas, ainda no mês de junho do ano passado, os parentes da moradora de Caarapó foram localizados.

Em uma semana, Rosineide já tinha conseguido conversar com toda a família, e agora, após pouco mais de um ano, seus tios saíram de Alagoas para presenteá-la nesta semana com uma visita a Caarapó, e, como forma de gratidão, foram ao Creas na última segunda-feira (25) para conhecer a assistente social que havia articulado para que se reencontrassem.

“É muito gratificante poder ver a felicidade das pessoas nos pequenos gestos que fazemos por elas”, destacou a assistente social e coordenadora do Creas, Lucimara Cavalheiri, que foi a responsável por ter proporcionado esse reencontro entre à família.

Creas

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social é uma unidade pública da política de Assistência Social onde são atendidas famílias e pessoas que estão em situação de risco social ou tiveram seus direitos violados.

A unidade deve, obrigatoriamente, ofertar o Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos (PAEFI), podendo ofertar outros serviços, como Abordagem Social e Serviço para Pessoas com Deficiência, Idosas e suas famílias. É unidade de oferta ainda do serviço de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto.

Além de orientar e encaminhar os cidadãos para os serviços da assistência social ou demais serviços públicos existentes no município, no Creas também são oferecidos informações, orientação jurídica, apoio à família, apoio no acesso à documentação pessoal e estimula a mobilização comunitária.

Famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social, com violação de direitos, como: violência física, psicológica e negligência; violência sexual; afastamento do convívio familiar devido à aplicação de medida de proteção; situação de rua; abandono; trabalho infantil; discriminação por orientação sexual e/ou raça/etnia; descumprimento de condicionalidades de programas sociais em decorrência de violação de direitos; cumprimento de medidas socioeducativas em meio aberto de Liberdade Assistida e de Prestação de Serviços à Comunidade por adolescentes, entre outras.

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade-