15/04/2019 14h19

Domingo de Ramos em Amambai: fiéis revivem a entrada de Jesus em Jerusalém


Fonte: Redação

 
Foto: Moreira Produções Foto: Moreira Produções

Amambai (MS)- "Hosana nas Alturas!" Era o que cantavam em coro os católicos amambaienses na manhã deste domingo (14), o Domingo de Ramos, quando centenas de fiéis saíram em procissão pelas ruas ao redor da Igreja Matriz de Amambai.

O Domingo de Ramos abre a Semana Santa e recorda a passagem bíblica em que Jesus Cristo vai a Jerusalém montado em um jumento, poucos dias antes de ser preso e crucificado. Ao longo do caminho, seguidores jogavam folhas e ramagens aos pés filho de Deus. Por isso, os ramos tornaram-se característicos do dia e são distribuídos até hoje.

A procissão em Amambai culminou com a celebração da Missa de Ramos, celebrada na Igreja Matriz Nossa Senhora Auxiliadora, onde os ramos foram benzidos e levados pelos fiéis para casa ou guardados pela própria Igreja, para serem queimados na Quarta-Feira de Cinzas do próximo ano.

 
Foto: Moreira Produções Foto: Moreira Produções

Momento de emoção

O período quaresmal para os católicos é de suma importância, pois, é o tempo em que o fiel se prepara para a vivência do Mistério Pascal, que é o centro da fé cristã - Paixão, Morte e Ressureição de Jesus Cristo.

A missa do Domingo de Ramos foi regada de emoção. Momentos como a traição de judas, a julgamento feito por Pôncio Pilatos e a crucificação de Jesus foram relembrados.

"A missa do Domingo de Ramos prepara nosso coração para relembrarmos de que Jesus foi traído e condenado à morte por nossos pecados, sendo que nossa vitória está na cruz. É uma missa muito bonita e de forte comoção, tornando difícil conter as lágrimas durante a celebração, porque notamos que Pai, Filho e Espírito Santo, são o princípio e o fim de tudo, ou seja, toda a nossa existência está atribuída ao sacrifício de um pai, que entregou seu filho à morte para a salvação de todos nós", disse a estudante universitária, Laura Morais que acompanhou a missa e a procissão e se emocionou em vários momentos.

 
Foto: Moreira Produções Foto: Moreira Produções

Semana especial/Programação

Esta semana é mais que especial para os católicos. Na segunda-feira (15), os fiéis relembram que Maria ungiu os pés de Jesus e no momento foi repreendida por Judas Iscariotes, o traidor.

Na Terça-feira (16), é revivido o dia em que Jesus anunciou que seria traído por um de seus doze discípulos e que Pedro o negaria por três vezes.

Já na quarta-feira (17), é lembrado o dia que foi confirmado por Jesus a traição de Judas.

Na quinta-feira (18), é celebrada a Instituição da Eucaristia e da Ordem Sacerdotal por Jesus. Nesta quinta (18), os fiéis celebram também o Lava-pés, que relembra o ato de humildade de Jesus ao lavar os pés de seus discípulos. A missa acontece na Igreja Matriz, às 19h.

Na Sexta-feira Santa (19), às 15h, acontece o ponto alto da Semana Santa, a missa que lembra a morte e a crucificação de Jesus. Após a missa será realizada uma procissão da Igreja Matriz até o Monte Cristo, onde será realizada a encenação do calvário.

No sábado, 20 de abril, os fiéis fazem a Vigília Pascal a partir das 19h, na igreja Matriz. Neste dia é lembrado que Jesus desceu ao inferno e triunfou sobre a morte.

No domingo (20), é celebrada a Páscoa, ou seja, a ressurreição de Jesus. Haverá missas às 8h e às 19h e elas serão celebradas na Igreja Matriz.

Veja fotos do evento religioso:

comments powered by Disqus