06/12/2018 10h23

Petrobras prevê investir R$ 84,1 bilhões em atividades produtivas até 2023

Companhia divulgou novos planos estratégico e de negócios, com metas e métricas


Fonte: Br.gov

 
Plataforma P-74, da Petrobras. Empresa terá, agora, métrica de rentabilidade - Foto: Alaor Filho/Mirá Imagem/Ag. Petrobras

Plataforma P-74, da Petrobras. Empresa terá, agora, métrica de rentabilidade - Foto: Alaor Filho/Mirá Imagem/Ag. Petrobras

A Petrobras aprovou um novo planejamento estratégico e um novo plano de negócios. Segundo a estatal, nos próximos cinco anos serão investidos US$ 84,1 bilhões em atividades produtivas, US$ 10 bilhões a mais do que o previsto no plano anterior. A informação foi dada pela companhia nesta quarta-feira (5).

No planejamento, a estatal manteve métricas de melhoria da segurança da força de trabalho e operacional, de redução da dívida e acrescenta uma de rentabilidade. "A nova métrica é criada após a superação dos maiores problemas financeiros da companhia, que recupera agora o poder de escolha. Nesse cenário, garantir a disciplina de capital torna-se fundamental para a sustentabilidade do futuro da companhia", afirmou o presidente da Petrobras, Ivan Monteiro.

Ele disse ainda que a Petrobras fez uma virada histórica e entregas que mudaram profundamente a empresa. "Os indicadores de segurança e dívida melhoraram significativamente, mas os desafios não terminaram. Agora, com as finanças mais equilibradas, a companhia buscará um caminho de rentabilidade sustentável, atenta às mudanças à sua volta", explicou.

Investimentos e tributos

Até 2023, a Petrobras irá gerar R$ 600 bilhões em tributos federais, estaduais e municipais. Nesse período, serão investidos R$ 13 bilhões em pesquisa e desenvolvimento e R$ 6 bilhões em projetos sociais e ambientais. A empresa informou também que prevê, nos próximos cinco anos, criar cerca de 450 mil postos de trabalho com suas atividades produtivas.

Envie seu Comentário